13/12/2017 16:53

Chamada Pública para Seleção de Instrutores para Oficinas e Workshops de Arte do DAC, para 2018. Clic na imagem e saiba mais.

Chamada Pública para Seleção de Instrutores para Oficinas e Workshops de Arte – DAC, 2018

13/12/2017 16:50

.

Chamada Pública para Seleção de Instrutores para Oficinas e Workshops de Arte – DAC/SeCArte/UFSC, ano  2018

 

Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC

 

O Departamento Artístico Cultural (DAC), da Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) abre Chamada Pública para Seleção de Instrutores para ministrarem Cursos, Oficinas e Workshops de Arte do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC, para o ano de 2018, na modalidade de prestação de serviço por tempo determinado, para as áreas de Artes Visuais, Cerâmica, Cinema/Documentário,  Curadoria, Danças Circulares, Figurino, Fotografia Digital, História da Arte e Violão.

 

Os interessados devem apresentar:

  1. Ficha de Identificação do Proponente e Ficha Proposta para Cursos e Oficinas ou Workshops de Arte, preenchidas;
  2. Currículo Lattes (preferencialmente) ou Curriculum Vitae (comprovado);
  3. Fotocópia da Carteira de Identidade e do CPF,

 

A proposta para Cursos e Oficinas de Arte deve conter:

  1. Título
  2. Apresentação
  3. Ementa
  4. Objetivos Gerais e Específicos;
  5. Conteúdo Programático;
  6. Metodologia;
  7. Cronograma (horário);
  8. Relação mínima de materiais, equipamentos etc., necessários para realização dos Cursos, Oficinas e Workshops, compatíveis com a infraestrutura e o horário disponível nos espaços físicos do DAC;

 

A proposta deve ser enviada, com a documentação solicitada, por e-mail para , das 08 horas do dia 18 de dezembro de 2017 até às 18 horas do dia 02 de fevereiro de 2018 (será considerado o horário de envio do e-mail).

As propostas apresentadas deverão permitir ajustes conforme a necessidade do Projeto e abordar o máximo das Diretrizes Metodológicas do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC, listadas mais abaixo.

Propostas apresentadas fora do solicitado e do horário estabelecido serão desconsideradas.

O Departamento Artístico Cultural reserva-se o direito de solicitar a comprovação do Currículo Lattes a qualquer tempo.

Para os Cursos e Oficinas Livres de Artes Visuais, Cerâmica, Figurino, Fotografia Digital, História da Arte e Cinema a carga horária é de 30 horas; para as Oficinas de Documentário e de Curadoria a carga horária é de 40 horas; para as Oficinas de Violão a carga horária é de 15 horas. Todas as oficinas poderão ser ministradas em no mínimo de 10 e no máximo 15 dias de atividades no decorrer de cada semestre em que forem oferecidas.

Os Cursos e Oficinas Livres são ofertados semestralmente, conforme a demanda da comunidade interna e externa da UFSC.

Os Cursos e Oficinas Livres de Arte poderão ser ofertados em mais de uma turma por semestre.

As Propostas para os Cursos e Oficinas Livres de Arte deverão abordar, sempre que possível, o máximo das Diretrizes Metodológicas do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC, podendo ser readequadas para o desenvolvimento da proposta apresentada. Propostas que contemplem somente uma ou duas das Diretrizes Metodológicas do Projeto poderão ser apresentadas na forma de Workshop.

As propostas para os Workshops devem prever a carga horária de, no mínimo, 04 horas e de, no máximo, 20 horas/atividade e devem estar relacionadas com as áreas de atuação do DAC, a saber: Arte-Educação, Artes Visuais, Cinema, Dança e Música.

 

A Seleção constará de 03 etapas eliminatórias:

1- Análise de Currículo;

2- Avaliação da Proposta;

3- Entrevista.

Todas as etapas acima deverão ser realizadas por profissionais do Departamento Artístico Cultural da UFSC, que atuam como coordenadores do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC, e por profissionais das áreas específicas – lotados no DAC, ou convidados de outros setores da UFSC, ou externos à instituição.

As propostas para os Workshops serão analisadas por profissionais do Departamento Artístico Cultural da UFSC, que atuam como coordenadores do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC, e por profissionais das áreas específicas, lotados no DAC.

Os critérios para a Análise do Currículo e Avaliação da Proposta, e para a Entrevista são:

  1. Formação acadêmica em Nível Médio, equivalente ou superior, preferencialmente, na área da oficina em que pretende atuar como instrutor;
  2. Curso de formação e/ou capacitação (em nível médio, profissionalizante ou superior) na área da oficina que pretende atuar como instrutor;
  3. Atuação, com ênfase como instrutor/ministrante, na área artística da oficina pretendida, por período de um ano ou mais;
  4. Proposta em acordo com as Diretrizes Metodológicas do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC.
  5. As questões da entrevista terão como base a relação entre os cursos de formação e a atuação profissional constante do currículo, e a relação entre os cursos de formação e o plano de ensino apresentado.

 

Somente participarão de Entrevista os candidatos que tiverem a Proposta e o Currículo aprovados pela comissão estabelecida pelo Departamento Artístico Cultural. As entrevistas serão agendadas, pela comissão, para o período de 15 a 22 de fevereiro de 2018. Os selecionados para entrevista serão comunicados via e-mail no dia 09 de fevereiro de 2018.

Os valores a serem pagos aos instrutores, ao final da atividade, será em conformidade ao número de alunos inscritos e que frequentem o Curso ou Oficina proposta, no valor de R$ 120, 00 (cento e vinte reais) por aluno que tenha efetivado a inscrição através do boleto de pagamento do ato da matricula.

 

Cronograma:

 

18/12/2017 a 02/02/2018 Entrega de Proposta e Curriculum Vitae ou Lattes
05/02/2018 a 09/02/2018 Seleção de Proposta e Currículo
09/02/2018 Comunicado para Entrevistas
15/02/2018 a 22/02/2018 Entrevistas
23/02/2018 Divulgação dos Resultados

 

Acesse as fichas em versão .doc nos links abaixo:

Ficha de Identificação do Proponente

Ficha de Proposta para Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC (com instruções para o preenchimento)

 

 

Diretrizes Metodológicas do Projeto Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC

 

Artes Visuais:

A Oficina tem por objetivo permitir ao aluno o desenvolvimento de diversas técnicas da Pintura e das Técnicas Mistas, explorando também os seus possíveis entrelaçamentos.

Conteúdos:

Questões conceituais no pensamento moderno contemporâneo;

As possibilidades de linguagem pictórica como veículo artístico;

Desenho à mão livre;

Técnicas de criação gráfica;

Teoria da cor;

Técnicas de desenho e desenho de representação;

Pintura;

Prática em suportes alternativos, além de telas, papel e madeira;

Proposição de projetos que envolvam a linguagem da pintura e interfaces.

 

Cerâmica:

A Oficina como um espaço para o estudo e a prática Cerâmica com ênfase em suas principais técnicas de construção e acabamentos, tais como acordelado, modelagem manual, torno, placas, moldes, engobes, terras sigillatas, esmaltação. Com o objetivo de estimular os participantes ao reconhecimento de suas poéticas, o curso pretende abordar diversas aplicações das técnicas estudadas.

Conteúdos:

Introdução ao conhecimento cerâmico;

História da Cerâmica;

Conceitos básicos; modelagens e acabamentos manuais;

Introdução às técnicas de torno e confecção de moldes de gesso; Desenvolvimento de pastas cerâmicas para usos específicos a partir dos processos desenvolvidos.

Elaboração de peças cerâmicas;

Queimas.

 

Cinema Stop-Motion:

A oficina visa iniciar alunos nos processos de construção narrativa e técnica da animação stop motion.

Conteúdos:

Animação dos Personagens e Objetos de Cena;

Movimento quadro a quadro e seus incrementos;

Regras para a fluidez da animação stop-motion;

Storyboard e Animatic;

Criação do Mise-en-scène;
Confecção dos objetos de cena;

Maquetes;

Máscaras;

Enquadramento, ângulo e movimentos de quadro no stop-motion;

Fotografia em miniatura;

Chroma Key;

Efeitos visuais;

Ciclos de animação.

 

Curadoria:

A Oficina busca formar o público para o entendimento da História da Arte, incluindo a arte contemporânea, bem como fornecer os pressupostos para exercícios de curadoria.

Conteúdos:

Debates sobre Arte Contemporânea;

Apresentação de referencial teórico e processos de artistas contemporâneos;

Estudos de casos;

Exercícios práticos de curadoria;

Planejamento de publicações e a elaboração de projetos curatoriais.

 

Danças Circulares:

Nesta Oficina busca-se trabalhar as Danças Circulares – que fazem parte da vida social humana desde a mais remota data e que contemplem o homem como um todo –, abrangendo os aspectos físicos emocionais, mentais e transcendentais.

Conteúdos:

O estudo sobre a simbologia do círculo;

Propriedades simbólicas do círculo; a perfeição e a ausência de distinção ou divisão;

Coreografias;

Danças de Roda; a Música; o Canto;

História e os mitos universais das diferentes tradições culturais;

Exercícios corporais;

Dinâmicas de grupo e de relações interpessoais.

 

Documentário:

Esta Oficina tem como objetivo estimular o olhar para leitura e realização de imagens cinematográficas documentais, por meio da análise de obras de diferentes cinematografias, de reflexões teóricas e exercícios práticos, dotando, portanto, o aluno de uma base de conhecimento referente à gênese e ao desenvolvimento do Documentário na História do Cinema e preparando-o para produção de imagens.

Conteúdos:

Breve introdução sobre a História do Cinema Documental;

Tendências do Documentário Contemporâneo;

Desenvolvimento de projeto.

 

Edição de Som:

Abordagem sobre a importância e relação dos efeitos sonoros e trilhas no desenvolvimento narrativo de peças audiovisuais.

Conteúdos:

História da Montagem;

Princípios de Montagem;

Criação de sentidos narrativos;

Ritmo da montagem do som;

Equipamento e softwares de montagem;

Edição e finalização.

 

Figurino:

Habilitar o aluno no processo criativo e na execução de figurinos para teatro, televisão, cinema e outras mídias, através do desenho, modelagem, costura e customização de artigos de vestuário.

Conteúdos:

História do figurino;

Figurino e a estética da encenação;

Noções orçamentais;

Visibilidade e cor;

Adequação à segmentação do espetáculo;

Noções de praticabilidade;

Tecnologia de Materiais;

Exercícios práticos de concepção de figurinos com base em dramaturgias.

 

Fotografia Digital:

A Oficina de Fotografia Digital tem por objetivo oportunizar o conhecimento básico da técnica, da história e da estética fotográfica conjugado a exercícios práticos de produção de imagens.

Conteúdos:

Apontamentos históricos e estéticos;

Noções de composição: plano, linhas, cores, perspectiva, volumes/luz; Conceitos fotográficos, a percepção visual;

A câmera fotográfica (corpo, obturador, diafragma, filme, foco, fotometria, distância focal /objetivas.);

Os conceitos digitais;

A fotografia contemporânea;

Ensaio temático.

 

História da Arte – Do Moderno ao Contemporâneo:

A Oficina propõe abordar a transição da arte moderna e contemporânea e os conhecimentos dos processos artísticos contemporâneos, movimentos e escolas. Os panoramas brasileiro e catarinense nas artes contemporâneas.

Conteúdos:

Abordar a transição da arte moderna e contemporânea;

Criar repertório de artistas contemporâneos do Brasil;

Abordar os processos artísticos contemporâneos por meio de obras e artistas que se destacam no cenário nacional;

Modernismo Brasileiro;

Concretismo e Neoconcretismo;

O que é o contemporâneo? ;

Arte Contemporânea no Brasil;

Arte Contemporânea Catarinense;

Arte fora do museu e da galeria;

Arte e tecnologia;

O artista como propositor.

 

Montagem e edição Audiovisual:

A oficina de Montagem tem a proposta de, a partir da análise sobre os métodos, processos, referências e linguagens dos filmes montados, discutir sobre diferentes propostas de montagem, o papel do montador e sua relação com o diretor do filme.

Conteúdos:

História da Montagem Audiovisual;

Princípios de Montagem;

Criação de sentidos narrativos;

Ritmo da montagem audiovisual;

Equipamento e softwares de montagem;

Tratamento de imagens; inserção de caracteres: créditos iniciais, finais e demais itens;

Edição e finalização.

 

Violão:

A Oficina de Violão tem como objetivo capacitar o aluno através de conteúdos teóricos e práticos para acompanhar musicas populares e eruditas, executar solos, desenvolver sua percepção, ritmo, leitura musical, harmonia, improvisação e composição, em nível iniciante e para turma em nível intermediário.

Conteúdos:

Elementos infraestruturais da técnica violonística;

Posturas do corpo, dos membros e das mãos;

Elementos de fisiologia;

Elementos de cinesiologia;

Exercícios de aquecimento;

Leitura musical violonística;

Símbolos e convenções específicos do violão;

Exercícios de escalas, arpejos, ligados e acordes.

 

 

Mais informações e esclarecimentos:

Pelo telefone (48) 3721–2498 e pelo e-mail:

 

Coordenação dos Cursos e Oficinas Livres de Arte do DAC

Departamento Artístico Cultural da UFSC

Secretaria de Cultura e Arte

Universidade Federal de Santa Catarina

 

www.dac.ufsc.br

 

_______________

12/12/2017 13:36

Lançado edital interno para utilização do Teatro da UFSC em 2018. Clic na imagem e saiba mais.

Lançado edital interno para utilização do Teatro da UFSC em 2018

12/12/2017 13:28

.

Teatro da UFSC, ao lado da Igrejinha

A Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte) da Universidade Federal de Santa Catariana (UFSC) lançou o Edital nº006/SeCArte/2017, que é um edital interno, destinado à comunidade universitária e seus eventos institucionais, para ocupação do espaço do Teatro da UFSC do Departamento Artístico Cultural da UFSC, no ano de 2018.

O Edital tem por objetivo a seleção de propostas de espetáculos artístico-culturais em teatro, dança, música e outros eventos culturais, para serem realizadas no período de 09 de março de 2018 a 11 de novembro de 2018 por docentes, discentes e STAs da UFSC, desde que seja comprovada a institucionalidade do evento.

É vedada a participação no Edital de pessoas ou entidades externas à UFSC, uma vez que estes deverão fazer suas solicitações em edital próprio a ser lançado posteriormente.

Teatro da UFSC

O Teatro da UFSC, com capacidade de 108 lugares, está localizado no conjunto arquitetônico da Igrejinha da UFSC, junto da Praça Santos Dumont, bairro da Trindade, no Campus da UFSC Florianópolis.

Mais informações sobre o Teatro da UFSC também podem ser acessadas através do site do Departamento Artístico Cultural:  www.dac.ufsc.br

Inscrições

As inscrições serão gratuitas e estarão abertas de 14 de dezembro de 2017 a 03 de março de 2018. As inscrições deverão ser efetuadas, obrigatoriamente, por meio do preenchimento do formulário de inscrição e da carta de anuência (Anexos III e IV, disponíveis online no endereço eletrônico www.dac.ufsc.br no link Editais e Chamadas Públicas), que deverão ser enviados para o endereço até as 23h59 do dia 03 de março de 2018.

Cronograma

Lançamento do edital: 11 de dezembro de 2017.

Inscrições: 14 de dezembro de 2017 a 03 de março de 2018

Divulgação do resultado: 05 de março de 2018.

Execução dos projetos selecionados: 09 de março de 2018 a 11 de novembro de 2018.

 

Acesse o Edital nº 006/SeCArte/2017 

Acesse em versão .doc os Anexos III e IV do Edital (Ficha de Inscrição e Carta de Anuência)

 

Para mais informações: (48) 3721-2498 e

 

[CW] DAC: SeCArte: UFSC com informações institucionais

 

06/12/2017 01:32

Espetáculo ‘Por detrás das Fronteiras’ retorna ao Teatro da UFSC, dias 7 e 8/12, às 19h. Gratuito e aberto à comunidade. Clic na imagem e saiba mais.